16 abril 2021

PARA QUEM É, BACALHAU BASTA

 

Ouvi com os meus olhos que o mui nobre e rico reino da Dinamarca decidiu suspender de vez o uso da vacina contra o Covid19 da Astra Zeneca, pois, pelos vistos, esta vacina pode provocar um ou dois casos de coágulos sanguíneos por cada milhão de doses administradas. Com cinco milhões de habitantes, a Dinamarca poderia então vir a ser vítima de eventuais meia-dúzia de coágulos na totalidade dos seus súbditos: uma autêntica razia, sobretudo se comparado com as vidas que uma vacina poupa! 

Mas como é país humanista e acha pecado deitar fora os mais de dois milhões de doses que ainda guarda, a Dinamarca, tal como quem oferece iogurtes cujo prazo caducou aos pobres da esquina, vai doá-las aos pretos. É claro que os termos a usar para os destinatários do presente nunca serão tão crus e ouviremos a diplomacia lançar mão de expressões como mais desfavorecidosem vias de desenvolvimento, solidariedade, inclusão e outras tretas. Mas a gente sabe quem são, não sabe? São aquelas desgraças ambulantes onde, gente como os nórdicos, só se permite ir passar uma semana a algum resort, pois, por paradoxo, esses locais têm geralmente umas lindas paisagens e um clima maravilhoso. Deus não é justo!

Quanto a mim, que sempre fui mais moreno do que louro, aguardo com ansiedade que me chamem para a 2.ª dose da minha vacina Astra Zeneca.

Sem comentários:

Publicar um comentário