06 fevereiro 2010

TIPO HAIKU

1. 
Melro na relva...
eclipse total
excepto no bico.
2. 
Concha sem caracol
luzidia à luz do sol
sua a lesma de cobiça.

3.
Cobra d’água
erecta na areia, engole um     peixe
coaxa a rã aliviada.

© Fotografia de cima, Pedro Serrano (Kamakura, Japão 2006).
© Fotografia de baixo, 
Ricardo Ventura & Relógio d´Água editores  (Ginza, Tokyo, 2006).  

Haiku, haikai ou hokku - Forma poética clássica japonesa que tenta captar um momento de experiência e transmiti-lo da forma mais concisa possível. Em japonês o haiku é tipicamente redigido numa única linha, enquanto que em línguas ocidentais é tradicionalmente separado em três linhas. Matsuo Bashô (1644-1694) é um dos autores mais conhecidos pelo tratamento rigoroso que deu a esta forma poética. Transcreve-se um poema muito conhecido de Bashô:

O velho charco...
som da água
onde a rã mergulha.