23 maio 2012

AS QUATRO ESTAÇÕES



Park Hyatt Hotel Tokyo
Em Tóquio cada uma das estações de metro se deixa identificar por uma música própria, o que nos que mergulha, a quem viaja nas carruagens ou a quem espera na estação, num ambiente um tanto irreal. Ouvir os temas das estações de Yoyogi, Harajuku ou Shibuya é regressar lá um pouco, mas eu ansiava saltar para a plataforma de Ebisu, onde é usada como identificador uma versão, condensada e muito electrónica, do tema-chave de Anton Karas para o filme O Terceiro Homem (de Carol Reed, 1949), fita de suspense cujo enredo é baseado no romance do mesmo nome de Graham Greene.
Os japoneses, gente muito culta, prezam o cinema e, para dar outro exemplo que conheci de perto, o Park Hyatt Hotel de Tóquio, que ficou mais célebre do que anteriormente por aí ter sido filmado Lost in Translation (de Sofia Coppola, 2003), mostra, nos corredores que dão acesso aos quartos, desenhos de Federico Fellini pendurados nas paredes.
Escute com atenção e espere então, pelo menos, até chegar à estação de EBISU. Depois, se quiser comparar com o original, ouça o tema do Terceiro Homem e, um dia destes, veja o filme e as soberbas interpretações de Orson Welles, Joseph Cotton e Alida Valli, dois actores a quem o senhor Alfred Hitchcock recorreu e, no caso dela, tratou muito mal no clássico O Caso Paradine, de 1947. 

© Fotografias de: (1) Ricardo Ventura, Tóquio 2005; (2) Um japonês qualquer, Tóquio 2005.


Temas musicais das estações de metropolitano de Tóquio

O Terceiro Homem (genérico)