04 outubro 2011

DEBAIXO DA LÍNGUA


© Foto: Pedro Serrano, Porto, 2010.

Não removas do cesto da reciclagem
Mesmo em caso d’excesso de bagagem
Recordações perdidas, outros trastes


As palavras paralisadas sob a língua
Insalivadas são para que germinem
E em repentina visita nos iluminem